Estrada

Pé na estrada e o coração na lua. Por mais que eu tenha motivos para dizer que não, eu acredito no amor. Acredito porque ele se manifesta mesmo à distância. Acredito porque ele desperta o melhor das pessoas. Não há nada melhor do que ver alguém que se preocupa conosco feliz da vida, morrendo de amores. Não tem segredo, quando duas pessoas estão realmente destinadas a ficar juntas, juntas elas vão ficar. Amor quando não cabe em um, se divide em dois. Amor é uma página da vida marcada no tempo. É fotografia de um momento que vai ficar para sempre na memória. Na distância tudo se perde, ou se ganha para sempre. Bom é quando o amor ganha e mostra para todo mundo que eles estavam errados. Felicidade baixinha é feliz melhor, ninguém inveja, nem quer tirar parte dela. Amor não pede nada em troca, ele só precisa que duas pessoas acreditem nele. Às vezes, duas pessoas precisam ficar distantes para saber que isso era o certo a se fazer. Mas às vezes, elas precisam ficar distantes para saber o quanto uma precisa da outra. Para saber que o lugar da outra sempre foi ali, num chamego e um abraço. O tempo é traiçoeiro, mas também é vantajoso, ele traz as coisas certas para quem sabe esperar, para quem soube perdoar. Porque no final das contas é assim, acerta quem erra menos. As coisas boas superando as que tiveram que errar. Saudade é pedágio, amor é estrada.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s