Areia

De repente, tudo começa a fazer o mais completo sentido. A peça que faltava para o quebra cabeça ficar preenchido. Muitos gritos são dados no silêncio de um pensamento. No sono profundo, a verdade aparece-me como um sonho; e ao acordar o pesadelo se repete sem hesitar. Idealizo: dessa vez vai ser diferente. Mas, esqueço que é quase loucura tentar acreditar duas vezes na mesma pessoa. A verdadeira face se revela quando menos se espera. Sob a luz da lua e de frente para o mar. O filme é quase o mesmo, eu sei, mas se assisto de formas diferentes, como é que ele termina quase sempre igual? Mas, filmes são como sentimentos: feitos para acabar. O que é para ser meu, está bem longe de começar a começar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s