A menina do piano dourado

acorda cedo com o cantar dos pássaros que sempre visitam as margaridas e hortências no jardim. Toma um chá gelado, coloca seu vestido de cetim, vai ao colégio, onde participa do coral e se entedia com as aulas de teoria do conhecimento.

Em algum lugar distante dali…

A vida passa e a gente não percebe que os bons momentos que passaram não voltam mais. As pessoas geralmente mudam, e isso não dá pra mudar. Mudam os gostos, mudam os rostos, mas aquele sorriso na tarde de novembro nunca mudou, embora esteja distante, continua intacto, reluzente, em alguma página de livro que eu ainda não li.

Parece uma música que eu nunca ouvi, mas que eu já sei o refrão. Já não é surpresa, e há tempos deixou de ser descontentamento. Há tempos deixou de ter nome.

No pseudo-silêncio de respirar, é onde os timbres escondidos gostam de caminhar. Tilintar de tambores, sopro do vento, maquinários em funcionamento, a mente inquieta procurando respostas pra várias perguntas, sem obter sucesso algum.

De repente, na sala de música : ” do mi mi re do sol, sol fa mi mi mi re do sol”, são as notas que saem do piano da menina dos cabelos dourados, o prelúdio da sinfonia de Vivaldi, que é tocada com maestria, sorriso nos lábios e no olhar.

Na volta pra casa, começou a pensar com seus botões; ” sobre as voltas que a vida dá, e como tudo mudou de um tempo pra cá, que o bom da vida não tem preço, é hora de acordar; não pense em nada agora,  já passou da hora. Tudo tem a sua hora”

Chegou em casa, abriu seu piano dourado, tocou incansavelmente, Adele, Alison Sudol, Celine Dion, Christina Aguilera, arriscou até uns tons de Beethoven.

Adormeceu sobre as teclas de ouro. Ninguém a viu naquela noite. ”Talvez tenha sido um dos melhores dias da vida dela, sem ninguém de especial, somente ela e seu piano dourado, que parecia ter vida.”

– Descrevera a si própria na última linha do conto.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s